quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Em poucas palavras - Luís de Camões

Jamais haverá ano novo se continuar a copiar os erros dos anos velhos. (Luís de Camões)

Na vitrola aqui de casa - Earth Song

Gostei...- Feliz Ano Novo

FELIZ LIVRO NOVO!!!

Hoje encerra-se mais um ano em sua vida...
Quando este ano começou, ele era todo seu.
Foi colocado em suas mãos...
Podia fazer dele o que quisesse...
Era como um livro em branco,
e nele você podia ter escrito um poema,
um pesadelo, uma blasfêmia, uma oração.

Podia...
Hoje já não pode mais,já não é seu.
É um livro já escrito...
Concluído.
Como um livro que tivesse sido escrito por você,
ele um dia lhe será lido,com todos os detalhes,e não poderá corrigi-lo.
Estará fora de seu alcance.

Portanto...
Antes que termine este ano,reflita,
tome seu velho livro e folheie com cuidado...
Deixe passar cada uma das páginas pelas mãos e pela consciência;
Faça o exercício de ler a você mesmo...

Leia tudo...
Aprecie aquelas páginas de sua vida em que usou seu melhor estilo.
Leia também as páginas que gostaria de nunca ter escrito.
Não... Não tentes arrancá-las.
Seria inútil !!! Já estão escritas.

Mas você pode lê-las enquanto ainda não escreve o NOVO livro que lhe será entregue.
Assim, poderá repetir as boas coisas que escreveu, e evitar repetir as ruins.
Para escrever o seu novo livro, você, contará novamente com o instrumento do livre arbítrio,
e terá, para preencher, toda a imensa superfície do seu mundo.
Se tiver vontade de beijar seu velho livro, beije.
Se tiver vontade de chorar, chore sobre ele e,
a seguir, coloque-o nas mãos de Deus.

Não importa como esteja...
Ainda que tenha páginas negras,
entregue e diga apenas duas palavras:
OBRIGADA E PERDÃO!

E,quando o novo ano chegar,
lhe será entregue outro livro,
novo, limpo, branco, todo seu,
no qual, irá escrever o que desejar...

FELIZ LIVRO NOVO !!!

FELIZ 2010!!!

O autor do texto é desconhecido, mas o autor da sua vida, do seu livro, é Você!

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Serviço - Álcool ou gasolina?


Álcool ou gasolina? Para quem possui um carro flex hoje em dia, isso aparentemente não é uma dúvida. Na maioria das vezes o preço do álcool é menor que o preço da gasolina. Mas será mesmo mais vantajoso o uso do álcool? A grande maioria opta pelo álcool, justificando o seu uso pelo preço.
O fato do álcool em geral ser mais barato, não justifica o seu uso. Cada tipo de combustível possui um determinado rendimento. Vejamos como analisar. Um jeito fácil de resolver isso é usando porcentagens, uma vez que em média o rendimento de um litro de álcool corresponde a 70% do rendimento de um litro de gasolina, ou seja, um litro de álcool corresponde a 700 mL de gasolina. Então surge uma questão: será que o preço está nessa mesma proporção? A resposta é não, na verdade, em geral, essa proporção é menor ou maior. Vamos chamar de Pa e Pg , preço do álcool e da gasolina, respectivamente. Vejamos:

Se o Pa/Pg> 0,7
É mais vantajoso usar gasolina, pois neste caso o preço do álcool corresponde mais que 70% do que o preço da gasolina.

Se o Pa/Pg= 0,7
Não importa qual combustível, os efeitos no seu bolso serão os mesmos.

Se o Pa/Pg<0,7
É mais vantajoso usar álcool, pois neste caso o preço do álcool corresponde menos que 70% do que o preço da gasolina.

Cálculos de especialistas, baseados no poder calorífico dos combustíveis, apontam que o álcool é competitivo até chegar a 70% do preço da gasolina.
Os cálculos foram feitos a partir de orientação do Cepea-USP (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), uma das maiores autoridades do país em relação ao álcool, que recomenda ao motorista não abastecer o veículo flex com álcool sempre que o preço do litro superar 70% do valor da gasolina. O percentual reflete o menor rendimento do álcool, que faz o veículo rodar menos quilômetros que a gasolina com um mesmo volume de combustível.
O presidente da Associação de Engenheiros Automotivos (AEA), José Edson Parro, explica que não vale a pena abastecer com álcool quando o preço exceder 70% da gasolina. Segundo ele, a conta é simples: basta dividir o preço do litro álcool pelo o da gasolina. Se o resultado for menor que 0,70, o álcool é a melhor opção. Se optar por usar os dois combustíveis, a melhor relação custo/benefício para um veículo flex seria utilizar 85% de gasolina e 15% de álcool.O consultor técnico da Sociedade de Engenharia da Mobilidade, Luso Ventura, alertou que a guerra de preços entre postos de combustíveis pode deixar o consumidor mais vulnerável às ações das máfias de “combustíveis batizados”.
“Economizar é fundamental, mas preço muito baixo é forte indicativo de adulteração”, destacou. “O motor começa a falhar, o consumo aumenta muito e o carro perde potência. Por isso, é sempre bom abastecer em um posto de confiança”.

Em poucas palavras - Machado de Assis

Esquecer é uma necessidade. A vida é uma lousa, em que o destino, para escrever um novo caso, precisa de apagar o caso escrito.(Machado de Assis)

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Carlos Drummond de Andrade


AUSÊNCIA

Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim.
Carlos Drummond de Andrade)

Dica de Leitura - O jovem Torless

Dica do meu sobrinho Renato.


Romance de cunho filosófico que narra a história da formação de um adolescente num internato no Império Austro-Húngaro. Lá, Törless têm experiências opostas sobre a amizade, num arco que vai da ternura à violência prenúncio dos Estados totalitários que surgiriam na Europa após a Primeira Guerra. Simbolicamente, é o enterro da individualidade. Robert Musil retrata o processo de educação de um jovem como sua deformação. Na sociedade contemporânea, educar é sinônimo de normalizar, portanto vivemos numa era em que toda e qualquer dissensão é punida.


Na vitrola aqui de casa - Dona do dom

Serviço - Guia para o réveillon: escolha a melhor bebida para o brinde

O réveillon se aproxima e para a tão esperada hora da virada a bebida mais escolhida é um espumante. Antes só consumido nas festas de fim de ano ou em comemorações, a bebida começa a se popularizar e conquistar mais apreciadores.

No entanto, a grande oferta de produtos nacionais e importados no mercado pode deixar o consumidor confuso na hora da compra. Qual a diferença entre espumante e champanhe? Sidra, moscatel e vinho frisante podem ser considerados espumantes?

Champanhe ou espumante?

O termo ainda causa muita confusão entre as pessoas, que acham que o champanhe e espumante são a mesma coisa. O velho chavão ajuda a definir: “todo champanhe é um espumante, mas nem todo espumante é um champanhe”.
A designação "champanhe" é usada somente pelos vinhos espumantes produzidos na região de Champagne, no Nordeste da França. Foram produtores da região que inventaram o método tradicional de fabricação da bebida. A região produtora é delimitada e o nome é protegido por lei. Essa exclusividade garante a valorização da bebida no mercado mundial.
Outras regiões do mundo também têm sua denominação controlada, como a cava, produzida na Catalunha, Nordeste da Espanha. Da Itália vem o prosecco, exclusivo da região de Venêto.

Como é feito um espumante

O vinho espumante é produzido em duas fermentações alcoolicas: na primeira, a mistura de uvas é transformada em vinho. Uma segunda fermentação produz as famosas bolhas. No método tradicional, ou champenoise, essa segunda fase acontece dentro da própria garrafa, num trabalho quase artesanal. Já o método charmat, a segunda fermentação acontece em grandes tanques, geralmente em aço inoxidável. A dupla fermentação consume boa parte dos açucares do vinho. Após o processo, de acordo com a tradição de cada produtor, é adicionado um “licor de expedição”, que vai definido percentual de açúcar do espumante. A bebida pode ser extrabrut (0g a 6g de açucar por litro), brut (6g a 15g), sec ou seco (15g a 20g), meio-seco ou demi-sec (20g a 60g) ou doce (acima de 60g). O teor alcóolico varia entre 10 a 13%.Há uma variação do espumante que é o “espumante moscatel”. Essa bebida é produzida em apenas uma fermentação. O moscatel é feito somente com a uva de mesmo nome. De acordo com Ibravin, deve possuir entre 7 e 10% de teor alcóolico e 20g de açúcar.

Saiba a diferença entre sidra, vinho frisante e outras bebidas

Várias opções no mercado de bebidas podem garantir o brinde de réveillon, com preços e gostos variados. No entanto, segundo o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), nem todas as bebidas podem ser consideradas um verdadeiro espumante. A legislação brasileira prevê outras bebidas com as famosas borbulhas, como a sidra, filtrado doce, vinho gaseificado, vinho frisante, fermentado de frutas, além da bebida alcoólica mista. Todos podem garantir o brinde da virada.
Pela regulamentação, é obrigatório aos fabricantes deixar bem claro no rótulo das bebidas o nome do produto e não só a marca. Além disso, também é exigido que o volume e teor alcoólico estejam claramente expressos. Conheça os tipos de bebidas "espumantes":

Vinho Frisante

O vinho frisante possui um pouco de gaseificação, que pode ser tanto obtida pela fermentação ou adicionada depois que pronto. Possui entre 7 e 14% de teor alcoólico. O método de obtenção das bolhas, natural ou artificial deve ser informado no rótulo.

Vinho Gaseificado

O vinho gaseificado parece com os espumantes, mas as bolhas são adicionadas pela introdução de anidrido carbônico puro. A lei exige que o termo “gaseificado” esteja claramente expresso no rótulo da garrafa.

Filtrado Doce

O filtrado doce foi criado na Itália e não é considerado um vinho, pois em geral é uma mistura de vinho com o mosto de uvas, parcialmente fermentado. As bolhas do filtrado doce surgem da adição de de anidrido carbônico. Possui no máximo 5% de teor alcoólico.

Sidra

A sidra é uma bebida feita pela fermentação única da maçã ou do suco concentrado. Geralmente possui teor alcoólico entre 4% e 8% por volume. A legislação brasileira permite que a bebida receba corantes e aromatizantes, além de ser gaseificada.Fermentado de FrutasA bebida é feita da fermentação de uma fruta ou combinação de frutos e tem entre 4 e 14% de teor alcoólico. Também pode receber corantes e aromatizantes e ser inclusive não-alcoólico. Entram nessa relação o hidromel, que é o fermentado de mel e o saquê, que é o fermentado de arroz.

Bebida Alcoólica Mista

A bebida alcoólica mista é uma mistura de várias bebidas, como a sangria, cooler e os coquetéis. A legislação permite ainda a adição de suco de frutas, xarope, leite ou outras substâncias. Tem entre 0,5 e 54% de teor alcoólico e pode ser gaseificada, adoçada e receber aditivos.
(Portal Uai)

Saúde - Infecções intestinais aumentam 30% no verão

É no verão que bactérias, fungos e vírus encontram um ambiente mais propício para se reproduzirem. Do final de dezembro ao início de janeiro, há um aumento de 30% dos casos de infecções gastrointestinais, de acordo com Maria Bernadete de Paula Eduardo, diretora da divisão de doenças de transmissão hídrica e alimentar da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.
As causas são variadas: alimentos crus contaminados por bactérias, pratos preparados de forma inadequada e água contaminada.
Com o aumento do calor e da umidade, os micro-organismos se proliferam com mais facilidade e as pessoas ficam mais expostas a micoses, inflamações e doenças gastrointestinais. Crianças e idosos devem ter mais atenção, pois podem se desidratar facilmente e de forma mais grave.
Um estudo da Secretaria de Estado da Saúde aponta que 27% dos surtos de intoxicação alimentar registrados no Estado de São Paulo estão relacionados ao consumo de alimentos preparados em casa.
Procure seguir as dicas apontadas pelos especialistas para evitar problemas nesta estação.
(Mariana Versolato - Folha de São Paulo em 26/12/2009)

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Bão dimais - Lentilha

Lentilha

A lentilha aparece na história da alimentação desde os tempos bíblicos.
A associação da lentilha à fartura surgiu de uma parábola bíblica no livro da Gênese. Conta a história que Esaú trocou o seu direito de primogênito por um prato de lentilha preparado por seu irmão Jacó. Ele abdicou do direito de suceder o pai como chefe da família, mas obteve a sorte de se tornar um homem rico.
Com isso a leguminosa acabou virando estrela nas ceias de Réveillon e ganhou a fama que seus grãos, por serem arredondados, trazem dinheiro e riqueza.
A lentilha rende muito, é saborosa e nutritiva. Esse prato traz boa sorte e é essencial na virada do ano. Em pratos, sopas ou em cozidos acompanhados de bacon e calabresa, sempre faz sucesso na ceia de final de ano e já se tornou tradição. É um prato básico, mas pode ser incrementado.

LENTILHA COM BACON E CALABRESA

INGREDIENTES: 500 gramas de lentilha * 1 colher (sopa) de óleo * 2 colheres (sopa) de bacon picado * 250 gramas de lingüiça calabresa cortada em rodelas * 1 cebola picada * 4 dentes de alho picados * 2 colheres (sopa) de salsa picada * sal * pimenta
MODO DE FAZER: Cozinhe a lentilha, em panela de pressão, apenas com 1 e ½ litros de água. Frite, no óleo, o bacon e a lingüiça. Junte a cebola e o alho e refogue por alguns minutos. Acrescente o refogado às lentilhas já cozidas e mantenha no fogo, com a panela destampada, até que o caldo engrosse. Coloque numa travessa e polvilhe com a salsa. Sirva com arroz branco.

ARROZ COM LENTILHA - MIJADRA

INGREDIENTES: 2 xícaras (chá) de lentilha * 1 xícara (chá) de arroz * 4 cebolas picadas em rodelas finas * 3 dentes de alho * azeite
MODO DE FAZER: Em uma panela, coloque para fritar o alho amassado no azeite. Depois coloque a lentilha e água. A água tem que ficar mais ou menos 3 dedos acima da lentilha. Quando a lentilha estiver quase cozida, coloque o arroz e se necessário um pouco mais de água para continuar cozinhando. Vá mexendo sem parar para não grudar na panela. Em outra panela, coloque a cebola picadinhas em rodelas finas com azeite e leve ao fogo para fritar até dourar. Quando o arroz com lentilha estiver cozido, desligar o fogo e jogar por cima a cebola que foi frita no azeite. Depois é só servir com pão sírio e tabule, se quiser.

Em poucas palavras - Mário Covas

“E para que me credencie a defender a minha verdade, começo por manifestar a humildade de saber que existem outras verdades e que elas são tão sustentáveis quanto às minhas e que a única razão pela qual um homem, um democrata passa a ter o direito de defender a sua verdade é exatamente o respeito que ele manifesta pela alheia.” (Mário Covas em discurso no Senado em 1989)

Na vitrola aqui de casa - As time goes by

Alguém oferece a alguém, só esse alguém sabe quem.

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Carlos Drummond de Andrade


Receita de ano novo

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.
(Carlos Drummond de Andrade)

Bão dimais - Gelado de Verão

GELADO DE VERÃO

INGREDIENTES: 2 caixinhas de maria-mole * 2 xícaras (chá) de água fervente * 1 lata de leite condensado * 1 vez a mesma medida de leite * 1 lata de creme de leite * óleo de milho para untar
MODO DE FAZER: Dissolva a maria-mole na água fervente. Coloque no liqüidificador com o leite condensado, o leite e o creme de leite. Bata bem. Despeje em forma de pudim, untada e leve para gelar durante 2 horas.

Serviço - Como se comportar nas festas de confraternização

Final de ano chegando e junto com ela as festinhas de confraternizações das empresas. Mas afinal de contas…será que você está preparado e sabe como se comportar nelas?
Para facilitar a vida de todos, resolvemos colocar aqui abaixo algumas dicas do que é recomendável e não recomendável nas festas das empresas. As dicas a seguir foram dadas por Renato Grinberg, Márcia Palmeira e Adriano Meirinho para o portal G1.

Dica de Leitura - A sangue frio

Fruto de uma intensa investigação, feita ao longo de meses, 'A sangue frio' é um dos livros que fundaram o jornalismo literário, gênero que combina a objetividade factual e os recursos da narrativa de ficção. A obra de Truman Capote conta a história da brutal chacina da família Clutter e dos autores do crime, executados em 1965.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Na vitrola aqui de casa - O quereres

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Carlos Drummond de Andrade

Cortar o tempo

Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.

Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação
e tudo começa outra vez,
com outro número e outra vontade de acreditar
que daqui pra diante vai ser diferente.
(Carlos Drummond de Andrade)

Em poucas palavras - Jean Jacques Rousseau

A juventude é a época de se estudar a sabedoria; a velhice é a época de a praticar. (Jean Jacques Rousseau)

Serviço - Previsão é de mais chuva no ano-novo

O ano de 2009 dá adeus sob chuva. E 2010 chega com tempestades. Pelo menos essa é a previsão do tempo para esta semana. De acordo com o meteorologista do Instituto MG Tempo Cemig/PUC Minas Ruibran Reis, nos próximos dias muita água vai cair em todo o estado. “A pressão atmosférica cai muito e a tendência são as chuvas ocasionais. Com pancadas que intercalam com o sol durante todo o dia”, explica.
De acordo com ele, na terça-feira chega uma frente fria na Região Sudeste, trazendo mais chuvas. “Mas a temperatura, pelo menos em Minas, vai se manter estável. Em Belo Horizonte, a mínima será de 27 graus”, diz o meteorologista. Até mesmo quem pretende passar a virada do ano no litoral pode se preparar para as tempestades. “Vai chover no dia 31 e também em 1º de janeiro”, avisa Ruibran, alertando que fortes temporais podem ocorrer no Sul de Minas, Campo das Vertentes, Zona da Mata e na Região Central do estado. “O ano-novo começa com chuva e previsão é de que essa frente só deixe o Sudeste na segunda semana de janeiro."
(Estado de minas em 28/12/2009)
Espero que seu Natal tenha sido de paz, união e harmonia.

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Modos e modas - 4 Maneiras de amarrar echarpes

Na vitrola aqui de casa - Cajuína

Existirmos... A que será que se destina?

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Cecília Meireles

Cântico VI

Tu tens um medo:
Acabar.
Não vês que acaba todo o dia.
Que morres no amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que te renovas todo o dia.
No amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que és sempre outro.
Que és sempre o mesmo.
Que morrerás por idades imensas.
Até não teres medo de morrer.
E então serás eterno.
(Cecília Meireles)

Tv saudade - Armação Ilimitada


Juba e Lula são dois surfistas, amantes também de outros esportes chiques, como vôo livre, caça submarina e motocross. A profissão da dupla é uma versão moderna do famoso "viver de bicos": armações em geral. Eles tem uma empresa de prestação de serviços, a Armação Ilimitada. Com ela, realizam trabalhos em terra, céu e mar.
Os dois dividem um apartamento com Zelda Scott, uma jornalista que tem como melhor amiga a gordinha Ronalda Cristina, e um neurótico como chefe, o editor do jornal Correio do Crepúsculo, que encarrega Zelda das mais mirabolantes reportagens. Zelda Scott, filha de exilados políticos e tiete de Simone de Beauvoir, namora Juba e Lula ao mesmo tempo. Os rapazes são apaixonados por ela, que não consegue decidir com qual deles prefere ficar. Para completar, chega ao apartamento o garoto Bacana, um menino órfão que passa a viver com eles. Bacana é o secretário da firma de armações dos surfistas e "a pessoa mais coerente" lá dentro.
Juntos eles formam uma pequena família e se metem em uma série de confusões, lutando para resolver seus problemas financeiros e de relacionamento. Após o fim da série a Globo tentou emplacar uma série de nome Juba e Lula que ficou poucos meses no ar no ano de 89.

Em poucas palavras - Confúcio

Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade. (Confúcio)

Serviço - Sob influência do El Niño, verão começa nesta segunda

Temperaturas serão até três graus acima da média em Minas

Ondas de calor e temporais no fim da tarde prometem marcar a estação que começa esta segunda-feira, às 15h47. Este ano, o verão estará sob a influência do El Niño, fenômeno meteorológico caracterizado pelo aquecimento das águas no litoral do Equador e do Peru, o que significa temperaturas até três graus acima da média em Minas Gerais.
El Niño
Segundo a Climatempo, o fenômeno El Niño, o aquecimento anormal das águas do Pacífico, será fator facilitador da chuva no centro-sul do Brasil durante o verão, que será de forma concentrada e contínua, como há previsão neste mês de janeiro, com potencial para enchentes e deslizamentos. As áreas de risco do Sul, do Sudeste e do Centro-Oeste devem sempre estar atentas aos alertas da Defesa Civil.
A chuva mais forte acontecerá no norte do Paraná e nos Estados do Sudeste e do Centro-Oeste, com a formação de três episódios de ZCAS, Zona de Convergência do Atlântico Sul. Nestas áreas, ao longo do mês, espera-se por mais dias chuvosos do que ensolarados.A maior parte das outras regiões do País não ficará livre das pancadas de chuva intensa, que podem vir acompanhadas de raios e granizo, que são comuns no verão por conta do forte calor e da alta umidade do ar. No Nordeste, só na Bahia, no Maranhão e no Piauí chove de forma regular em janeiro. Os outros Estados ainda ficam sob o domínio do ar seco, que impede a instabilidade. Nesta época do ano faz muito calor e não chove.
Em fevereiro a chuva volta a cair com maior frequência no Ceará e no sertão da Paraíba e de Pernambuco, mas na faixa entre Sergipe e Rio Grande do Norte o tempo permanece seco e muito quente. No Sudeste e no Centro-Oeste do Brasil a previsão é de um mês muito diferente do anterior: se em janeiro deve chover muito, em fevereiro quase não choverá. As pancadas serão irregulares e o calor será intenso. Os termômetros passam facilmente dos 35 graus durante as tardes. No Sul, no entanto, o quadro é inverso, com muita chuva e temperatura abaixo da média.Em março, uma grande massa de ar quente tomará conta da maior parte do Brasil, mas não impedirá a formação de áreas de instabilidade. O calor e a alta umidade do ar favorecerão várias pancadas de chuva, que nesta época ainda são bem fortes. Os grandes centros urbanos ainda devem sofrer com os temporais de fim de tarde.
(Estado de Minas)

domingo, 20 de dezembro de 2009

Bão dimais - Chester Recheado

CHESTER RECHEADO

INGREDIENTES:1 chester (cerca de 3 quilos) * 2 cubinhos de caldo de galinha * ½ xícara (chá) de vinho branco seco * 2 colheres (sopa) de suco de limão * 1 xícara (chá) de suco de laranja
RECHEIO: 2 colheres (sopa) de óleo * 1 cubinho de caldo de galinha * 1 cebola média picadinha * 2 colheres (sopa) de passas sem sementes * 1 e ½ xícara (chá) de pêssegos em calda picados * 1 ovo cozido amassado com o garfo * 2 colheres (sopa) de farinha de rosca * 1 ovo * miúdos do chester
MODO DE FAZER:Dissolva os 2 cubinhos de caldo de galinha no vinho, junte o suco de limão e passe por dentro e por fora do chester. Deixe tomar gosto por 1 noite. Depois de recheado, coloque numa assadeira, regue com o suco de laranja, cubra com papel alumínio e leve ao forno médio, por 2 horas, regando várias vezes com o molho da assadeira. Retire o papel e doure bem.
RECHEIO: Cozinhe os miúdos do chester, em fogo baixo, com o cubinho de caldo de galinha dissolvido em 1 xícara (chá) de água fervente, até secar. Retire os miúdos e pique-os. Coloque numa panela o óleo e a cebola, refogue até murchar. Junte os miúdos, as passas, os pêssegos, o ovo amassado e a farinha de rosca. Deixe amornar e misture o ovo cru. Recheie o chester e costure as aberturas.

Na vitrola aqui de casa - Monte Castelo

Renato Russo mistura I Coríntios,13 e "Amor é fogo que arde sem se ver" de Camões para fazer um texto novo. Vale a pena ouvir.

I Coríntios,13

1 Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o címbalo que retine.
2 E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
3 E ainda que distribuísse todos os meus bens para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
4 O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece,
5 não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal;
6 não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade;
7 tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
8 O amor jamais acaba; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;
9 porque, em parte conhecemos, e em parte profetizamos;
10 mas, quando vier o que é perfeito, então o que é em parte será aniquilado.
11 Quando eu era menino, pensava como menino; mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
12 Porque agora vemos como por espelho, em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei plenamente, como também sou plenamente conhecido.
13 Agora, pois, permanecem a fé, a esperança, o amor, estes três; mas o maior destes é o amor.

Amor é fogo que arde sem se ver

Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer;
É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder;
É querer estar preso por vontade;
É servir a quem vence, o vencedor;
É ter com quem nos mata lealdade.
Mas como causar pode seu favor
Nos corações humanos amizade,
Se tão contrário a si é o mesmo Amor?
(Luís de Camões)

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Florbela Espanca


Vaidade

Sonho que sou a Poetisa eleita,
Aquela que diz tudo e tudo sabe,
Que tem a inspiração pura e perfeita,
Que reúne num verso a imensidade!

Sonho que um verso meu tem claridade
Para encher todo o mundo! E que deleita
Mesmo aqueles que morrem de saudade!
Mesmo os de alma profunda e insatisfeita!

Sonho que sou Alguém cá neste mundo...
Aquela de saber vasto e profundo,
Aos pés de quem a terra anda curvada!

E quando mais no céu eu vou sonhando,
E quando mais no alto ando voando,
Acordo do meu sonho...
E não sou nada!...

Mesmo antes de seu nascimento, a vida de Florbela Espanca já estava marcada pelo inesperado, pelo dramático, pelo incomum.
Seu pai, João Maria Espanca era casado com Maria Toscano. Como a mesma não pôde dar filhos ao marido, João Maria se valeu de uma antiga regra medieval, que diz que quando de um casamento não houver filhos, o marido tem o direito de ter os mesmos com outra mulher de sua escolha. Assim, no dia 8 de dezembro de 1894 nasce Flor Bela Lobo, filha de Antónia da Conceição Lobo. João Maria ainda teve mais um filho com Antónia, Apeles. Mais tarde, Antónia abandona João Maria e os filhos passam a conviver com o pai e sua esposa, que os adotam.
Em 1903, aos sete anos, faz seu primeiro poema, A Vida e a Morte. Desde o início é muito clara sua precocidade e preferência a temas mais escusos e melancólicos.
Em dois de dezembro de 1930, Florbela encerra seu Diário do Último Ano com a seguinte frase: “… e não haver gestos novos nem palavras novas.” Às duas horas do dia 8 de dezembro – no dia do seu aniversário Florbela D’Alma da Conceição Espanca suicida-se em Matosinhos, ingerindo dois frascos de Veronal. Algumas décadas depois seus restos mortais são transportados para Vila Viçosa, “… a terra alentejana a que entranhadamente quero”.

Dica de Leitura - Não verás país nenhum


Ficção que descreve como será a cidade de São Paulo no futuro. O autor conta a vida de Souza, um paulista que vive no meio do caos da cidade, destruída pelos avanços tecnológicos, onde não há água, verde, vida saudável e muito menos liberdade.

Em poucas palavras - João Guimarães Rosa

“Mestre não é quem sempre ensina, mas quem de repente aprende” - Riobaldo em Grande Sertão: Veredas (João Guimarães Rosa)

sábado, 19 de dezembro de 2009

Na vitrola aqui de casa - You were always on my mind

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Adélia Prado


Para Nana, minha afilhada querida.

Ensinamento

Minha mãe achava estudo
a coisa mais fina do mundo.
Não é.
A coisa mais fina do mundo é o sentimento.
Aquele dia de noite, o pai fazendo serão,
ela falou comigo:
"Coitado, até essa hora no serviço pesado".
Arrumou pão e café , deixou tacho no fogo com água quente.
Não me falou em amor.
Essa palavra de luxo.
(Adélia Prado)

Em poucas palavras - Eleanor Roosevelt

Os grandes espíritos discutem ideias; os espíritos normais discutem acontecimentos; os espíritos medíocres discutem pessoas. (Eleanor Roosevelt)

Fiquei muito triste quando li isso - Chuva danifica estrada que dá acesso a bairro de Sta. Rita do Sapucaí

A chuva dos últimos dias elevou o nível do Rio Sapucaí que inundou e danificou uma estrada em Santa Rita do Sapucaí. O único acesso dos moradores ao centro da cidade foi interditado pela Defesa Civil.
O bairro São João Batista tem cerca de 25 casas e a única estrada que dá acesso ao local está isolada há dois dias. Na década de 1970, quando o bairro foi fundado, a estrada ainda não existia e, no local, passava o Rio Sapucaí. Para construir o acesso ao bairro foi preciso interromper o curso do rio. Agora, cerca de 30 anos depois, o rio parece querer retomar seu curso normal. Grande parte da estrada já foi destruída pela força da água. “Nós isolamos para o pessoal não ficar passando e não adiantar o processo de desmoronamento do local”, disse o presidente da Defesa Civil Municipal, José Leandro Romero Costa.
Um caminhão com materiais de construção para entrega não conseguiu passar no local. Tijolos e sacos de cimento tiveram que ser levados de carroça. Os carros dos moradores também tiveram que ficar em outro lado da estrada. As pessoas que precisam chegar ao bairro precisam usar moto, bicicleta ou ir a pé.
Segundo a prefeitura, na época, a estrada foi construída pelo governo federal, mas a responsabilidade é do advogado que fundou o bairro. Alguns lotes já foram vendidos, mas a maior parte dos terrenos ainda pertence a ele.
O proprietário do terreno, José Capone de Melo, disse que tentará resolver o problema. “A gente tem certeza de que não vai faltar apoio do município. Eu darei todo o suporte financeiro para a gente melhorar esse acesso”, disse.
André Guimarães, administrador do escritório do Instituto Estadual de Florestas de Pouso Alegre, disse que o local é área de preservação ambiental desde 2002.
(EPTV em 18/12/2009)

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Na vitrola aqui de casa - Terra

Bão dimais - Camarão à thermidor

CAMARÃO À THERMIDOR

INGREDIENTES: 1 quilo de camarão * 3 gemas * 150 gramas de queijo prato ralado * 1 lata de creme de leite * 1 vidro de cogumelos * azeite * tomate * pimentão * cebola * cheiro verde * 2 e 1/2 xícaras (chá) de leite * 3 colheres (sopa) de farinha de trigo * 1 colher (sopa) cheia de manteiga * pimenta * sal * queijo parmesão ralado
MODO DE FAZER: Coloque o camarão de molho com limão. Faça um refogado com o camarão, azeite, tomate, pimentão, cebola e cheiro verde. Enquanto cozinha, faça um creme com o leite, a farinha de trigo e a manteiga. Coloque pimenta e prove o sal. Depois de engrossar, abaixe o fogo e deixe cozinhar durante 5 minutos. Retire do fogo e quando estiver morno coloque as gemas, o queijo prato ralado, o creme de leite e o cogumelo. Arrume num pirex untado o camarão e o creme por cima. Polvilhe com o queijo ralado. Leve ao forno para gratinar.

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Carlos Drummond de Andrade

As namoradas mineiras

Uma namorada em cada município,
os municípios mineiros são duzentos e quinze,
mas o verdadeiro amor onde se esconderá:
em Varginha, Espinosa ou Caratinga?

Estradas de ferro distribuem a correspondência,
a esperança é verde como os telegramas,
uma carta para cada uma das namoradas
e o amor vence a divisão administrativa.

Para Teófilo Otoni o beijo vai por via aérea,
os carinhos do sul pulam sobre a Mantiqueira,
mas as melhores, mais doces namoradas
são as de Santo Antônio do Monte e Santa Rita.

No Oeste, na Mata, no Triângulo,
no Norte de Minas há saudades e ais.
Suspiros sobem do Vale do Rio Doce
e o Rio São Francisco trança mágoas.

Enquanto na Capital um homem indiferente,
frio, desdobrando mapas sobre a mesa,
põe o amor escrevendo no mimeógrafo
a mesma carta para todas as namoradas.
(Carlos Drummond de Andrade)

Santa Rita é notícia - Projeto Social da FAI elege as principais ideias para um mundo melhor.

Cerca de 400 usuários participaram do concurso. Com a finalidade de obter uma resposta para a pergunta: O que você pode fazer para mudar o mundo?, o primeiro concurso do portal Mude o Mundo, novo projeto social da FAI, idealizado pelo Núcleo de Cultura e Cidadania (NCC/FAI) trouxe para várias cidades, escolas de ensino médio e fundamental e demais instituições de ensino da região, uma ampla mobilização em torno de uma competitividade saudável e responsável.
A criação do projeto Mude o Mundo possibilitou a conscientização das pessoas e o elo de ideias no desenvolvimento do espírito de cidadania, criatividade e o potencial empreendedor, por meio da disseminação dos oito macro-objetivos sociais definidos pela ONU para serem atingidos até o ano de 2015, denominados como os “Oito Jeitos de Mudar o Mundo”. Para o engajamento, disseminação dessas ações que fazem diferença e contribuem diretamente para melhorias da sociedade e do ambiente no qual fazemos parte, como família, escola e comunidade, participantes do concurso postaram e contribuíram em forma de vídeos e textos, novas ideias englobando a temática dos objetivos do milênio.
Na opinião de Amanda Ivy Costa, aluna FAI e ganhadora na categoria texto, o projeto é muito válido porque faz com que as pessoas reflitam mais, como juntos podemos melhorar o mundo. “Acredito que devemos primeiramente mudar a consciência das pessoas, a FAI mais uma vez está com essa iniciativa excelente”, comenta.
Durante a realização do concurso, em média 120 contribuições em textos e vídeos no total, foram votadas e classificadas semanalmente pelo júri popular. A final do concurso premiou seis participantes das categorias vídeo e texto, que levaram no 1º lugar: notebooks, 2º lugar: iPods touch 8GB , 3º lugar: câmeras fotográficas digitais e também as três escolas com a média maior do número de alunos participantes e ideias inscritas, premiadas com o 1º lugar: projetor multimídia (datashow), 2º lugar: computador desktop e no 3º lugar: TV 29 polegadas.
Para Michel Augusto de Andrade Pereira, vencedor na categoria vídeo e também aluno da Escola Estadual Cônego Francisco Stella, premiada em 1º lugar no concurso, o projeto incentivou na busca de várias fontes de informação e trouxe muito conhecimento e fala com entusiasmo: “Gostaria de parabenizar a FAI pela iniciativa, agradeço o apoio da minha escola, do diretor, pelos professores e a oportunidade, espero que seja o primeiro de muitos outros prêmios que venham pela frente”.
Segundo Leandro Marques da Silva, diretor da escola, o projeto Mude o Mundo é muito importante e mais iniciativas desse tipo devem ser tomadas. “Estamos muito felizes pela escola ter sido premiada e, sobretudo com atitudes simples sugerir novas ideias para mudar o mundo, um concurso nesse sentido motiva os alunos a participar e realmente cria um engajamento e faz a escola crescer”, afirma.
A cerimônia da premiação aos ganhadores do projeto, realizada na última terça-feira, 15, contou com a presença da equipe do portal Mude o Mundo, do diretor da FAI, professor Aldo Ambrósio Morelli e alguns colaboradores da instituição que percorreram as cidades de Estiva, Natércia e em Santa Rita do Sapucaí para a entrega dos prêmios. Agradecendo o empenho dos participantes e parabenizando os vencedores, Aldo Ambrósio Morelli, diretor da FAI, comenta que a faculdade desta forma cumpre seu papel em trabalhar por uma sociedade mais consciente e socialmente responsável.
A classificação dos alunos e escolas ganhadoras do concurso Mude o Mundo foi a seguinte:
Na categoria vídeo: 1º lugar: Michel Augusto de Andrade Pereira 2º lugar: Acássio Aparecido Marques Em 3º lugar: Marcelo Borges Pereira. Os três alunos classificados nessa categoria cursam o ensino médio da Escola Estadual Cônego Francisco Stella em Estiva.
Na categoria texto: 1º lugar: Amanda Ivy Costa, aluna do curso de Sistemas de Informação da FAI- Santa Rita do Sapucaí. 2º lugar: Thiago Maglioni Magalhães Ribeiro, aluno do ensino médio do Colégio Tecnológico Dr. Delfim Moreira – Santa Rita do Sapucaí. 3º lugar: Filipe Bueno Vilela, aluno do ensino médio e técnico da Escola Técnica de Eletrônica - Santa Rita do Sapucaí.
Escolas premiadas: 1º lugar: Escola Estadual Cônego Francisco Stella - Estiva 2º lugar: Colégio Tecnológico Dr. Delfim Moreira – Santa Rita do Sapucaí 3º lugar: Escola Estadual João Goulart Santiago Brum - Natércia
(Comunidade Exkola em 17/12/2009 - Fonte: FAI - MG

Fiquei muito triste quando li isso - Temporal no Sul de Minas Gerais provoca estragos e interdita estrada

Um forte temporal atingiu a região sul de Minas Gerais na noite desta quinta-feira, provocando estragos. Em Santa Rita do Sapucaí, uma estrada que liga o município ao bairro rural Rio Cortado foi interditada.
Mais de 40 casas estão isoladas. Segundo a Defesa Civil, o Rio Sapucaí subiu e um aterro desmoronou.
Em Guaranésia, os moradores ficaram sem energia elétrica durante seis horas. A chuva que durou cerca de meia hora e o vento forte fizeram estragos na Praça Coronel Francisco de Paula Ribeiro.
De acordo com a secretaria do Meio Ambiente, cinco árvores caíram e outras 10 ficaram danificadas. Os prejuízos ainda estão sendo contabilizados.
(EPTV em 18/12/2009)

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Na vitrola aqui de casa - Fly me to the moon

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Cecília Meireles

Epigrama nº 2
És precária e veloz, Felicidade.
Custas a vir e, quando vens, não te demoras.
Foste tu que ensinaste aos homens que havia tempo,
e, para te medir, se inventaram as horas.

Felicidade, és coisa estranha e dolorosa:
Fizeste para sempre a vida ficar triste:
Porque um dia se vê que as horas todas passam,
e um tempo despovoado e profundo, persiste.
(Cecília Meireles)

Serviço - Dengue

TRANSMISSÃO

A dengue é uma doença febril aguda causada por um vírus de evolução benigna, na maioria dos casos, e seu principal vetor é o mosquito Aedes aegypti, que se desenvolve em áreas tropicais e subtropicais.
A dengue não é transmitida de pessoa para pessoa. Seu principal vetor é o mosquito Aedes aegypti que, após um período de 10 a 14 dias, contados depois de picar alguém contaminado, pode transportar o vírus da dengue durante toda a sua vida. O ciclo de transmissão ocorre do seguinte modo: a fêmea do mosquito deposita seus ovos em recipientes com água. Ao saírem dos ovos, as larvas vivem na água por cerca de uma semana. Após este período, transformam-se em mosquitos adultos, prontos para picar as pessoas. O Aedes aegypti procria em velocidade prodigiosa e o mosquito adulto vive em média 45 dias.
O Mosquito Aedes Aegypti mede menos de um centímetro, tem aparência inofensiva, cor café ou preta e listras brancas no corpo e nas pernas. Costuma picar nas primeiras horas da manhã e nas últimas da tarde, evitando o sol forte, mas, mesmo nas horas quentes, ele pode atacar à sombra, dentro ou fora de casa. Há suspeitas de que alguns ataquem durante a noite. O indivíduo não percebe a picada, pois no momento não dói e nem coça.

Sintomas

Após a picada do mosquito, os sintomas se manifestam a partir do terceiro dia. O tempo médio do ciclo é de 5 a 6 dias.O intervalo entre a picada e a manifestação da doença chama-se período de incubação. É depois desse período que os sintomas aparecem. Existem duas formas de dengue: a clássica e a hemorrágica.
Dengue Clássica: Febre alta com início súbito· Forte dor de cabeça· Dor atrás dos olhos, que piora com o movimento dos mesmos· Perda do paladar e apetite· Manchas e erupções na pele semelhantes ao sarampo, principalmente no tórax e membros superiores· Náuseas e vômitos· Tonturas· Extremo cansaço· Moleza e dor no corpo · Muitas dores nos ossos e articulações.
Dengue Hemorrágica: Os sintomas da dengue hemorrágica são os mesmos da dengue comum. A diferença ocorre quando acaba a febre e começam a surgir os sinais de alerta:· Dores abdominais fortes e contínuas. Vômitos persistentes · Pele pálida, fria e úmida· Sangramento pelo nariz, boca e gengivas· Manchas vermelhas na pele· Sonolência, agitação e confusão mental· Sede excessiva e boca seca· Pulso rápido e fraco· Dificuldade respiratória· Perda de consciência.
Na dengue hemorrágica o quadro clínico se agrava rapidamente, apresentando sinais de insuficiência circulatória e choque, podendo levar a pessoa à morte em até 24 horas. De acordo com estatísticas do Ministério da Saúde, cerca de 5% das pessoas com dengue hemorrágica morrem. O objetivo do Ministério é que esse número seja reduzido a menos de 1%.

TRATAMENTO

A re-hidratação oral é uma medida importante e deve ser realizada durante todo o período de duração da doença e, principalmente, da febre. O tratamento da dengue é de suporte, ou seja, alívio dos sintomas, reposição de líquidos perdidos e manutenção da atividade sangüínea. A pessoa deve manter-se em repouso, beber muito líquido (inclusive soro caseiro) e só usar medicamentos prescritos pelo médico, para aliviar as dores e a febre.
Ao ser observado o primeiro sintoma, deve-se buscar orientação médica no posto de saúde mais próximo. As pessoas que já contraíram a forma clássica da doença devem procurar, imediatamente, atendimento médico em caso de reaparecimento dos sintomas agravados com os sinais de alerta, pois correm o risco de estar com dengue hemorrágica, que é o tipo mais grave. Todo tratamento só deve ser feito sob orientação médica.

Prevenção

O grande problema para combater o mosquito Aedes aegypti é que sua reprodução ocorre em qualquer recipiente utilizado para armazenar água, tanto em áreas sombrias como ensolaradas. Por exemplo: caixas d'água, barris, tambores, vidros, potes, pratos e vasos de plantas ou flores, tanques, cisternas, garrafas, latas, pneus, panelas, calhas de telhados, bandejas, bacias, drenos de escoamento, canaletas, blocos de cimento, urnas de cemitério, folhas de plantas, tocos e bambus, buracos de árvores e muitos outros onde a água da chuva é coletada ou armazenada. Portanto, considerando essa facilidade de disseminação, podemos imaginar o grau de dificuldade para efetivamente combater a doença - o que só é possível com a quebra da cadeia de transmissão, eliminando o mosquito dos locais onde se reproduzem. Assim, a prevenção e as medidas de combate exigem a participação e a mobilização de toda a comunidade a partir da adoção de medidas simples, visando a interrupção do ciclo de transmissão e contaminação. Caso contrário, as ações isoladas poderão ser insuficientes para acabar com os focos da doença.

MEDIDAS PARA EVITAR PICADA DE MOSQUITO

Espirais ou vaporizadores elétricos: Devem ser colocados ao amanhecer e/ou no final da tarde, antes do pôr-do-sol, horários em que os mosquitos da dengue mais picam.
Mosquiteiros: Devem ser usados principalmente nas casas com crianças, cobrindo as camas e outras áreas de repouso, tanto durante o dia quanto à noite.
Repelentes: Podem ser aplicados no corpo, mas devem ser adotadas precauções quando utilizados em crianças pequenas e idosos, em virtude da maior sensibilidade da pele.
Telas: Usadas em portas e janelas, são eficazes contra a entrada de mosquitos nas casas.


MEDIDAS PARA ELIMINAÇÃO DOS LOCAIS DE REPRODUÇÃO DO MOSQUITO

Tampar os grandes depósitos de água: A boa vedação de tampas em recipientes como caixas d'água, tanques, tinas, poços e fossas impedirão que os mosquitos depositem seus ovos. Esses locais, se não forem bem vedados, permitirão a fácil entrada e saída de mosquitos.
Remover o lixo: O acúmulo de lixo e de detritos em volta das casas pode servir como excelente meio de coleta de água de chuva. Portanto, as pessoas devem evitar tal ocorrência e solicitar sua remoção pelo serviço de limpeza pública - ou enterrá-los no chão ou queimá-los, onde isto for permitido.
Fazer controle químico: Existem larvicidas seguros e fáceis de usar, que podem ser colocados nos recipientes de água para matar as larvas em desenvolvimento - este método para controle doméstico da dengue em cidades grandes tem sido usado com sucesso por várias secretarias municipais de saúde e é realizado pelos agentes de controle da dengue.
Limpar os recipientes de água: Não basta apenas trocar a água do vaso de planta ou usar um produto para esterilizar a água, como a água sanitária. É preciso lavar as laterais e as bordas do recipiente com bucha, pois nesses locais os ovos eclodem e se transformam em larvas.
(Ministério da Saúde)

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Bão dimais - Suflê de Bacalhau

SUFLÊ DE BACALHAU

INGREDIENTES: 1 xícara (chá) de bacalhau cozido e desfiado * 2 xícaras (chá) de leite * 2 colheres (sopa) de farinha de trigo * 2 colheres (sopa) de manteiga * 1 colher (sopa) de azeite * 6 ovos * 2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado * cheiro verde * sal * pimenta
MODO DE FAZER: Misture o leite com as gemas e a farinha, junte o azeite e a manteiga e leve ao fogo brando. Mexa sempre até engrossar e cozinhar. Adicione o bacalhau e tempere com sal e pimenta a gosto. Retire e bata até amornar, adicione o queijo ralado, o cheiro verde e 4 claras em neve. Coloque em um pirex untado e asse em forno quente. Sirva no próprio pirex.

Truques e quebra-galhos - Microondas esteriliza esponjas


Pesquisa estadunidense publicada no Journal of Environmental Health comprova que colocar esponjas de lavar pratos no microondas pode matar 99% dos microorganismos presentes no objeto.
Mas atenção: As esponjas, de espuma, devem ser colocadas no aparelho ainda úmidas para se evitar incêndio e nunca se deve colocar esponjas de aço no microondas.
Estima-se que uma esponja de cozinha possa ter 10 mil bactérias, em apenas dois centímetros quadrados, inclusive salmonella, que pode causar febre, náuseas, vômito e diarréia.
Segundo os cientistas, o responsável pela esterilização das esponjas é o calor e não a radiação. No estudo, os peritos em engenharia ambiental da Universidade da Flórida, contaminaram esponjas com bactérias fecais, vírus, parasitas e esporos de bactérias.
Passados dois minutos com potência total do eletrodoméstico, 99% das bactérias haviam sido mortas. A bactéria E. coli foi morta depois de apenas 30 segundos.
(Cassiano Sampaio - Saúde em Movimento em 09/02/2007)

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Nidia Telles

Meu. De uma sagitariana com ascendente em sagitário.
Signo

Sou mesmo assim :
Meio homem, meio bicho;
Meio razão, meio instinto;
Meio mulher, meio égua;
Meio amor, meio cio;
Meio represa, meio rio;
Meio presa, meio livre;
Meio inteira, meio metade;
Meio mentira, meio verdade.

Na vitrola aqui de casa - O bêbado e a equilibrista

Gostei... - Definição de avó

"Uma Avó é uma mulher que não tem filhos, por isso gosta dos filhos dos outros.
As Avós não têm nada para fazer, é só estarem ali.
Quando nos levam a passear, andam devagar e não pisam as flores bonitas nem as lagartas.
Nunca dizem "Despacha-te!".
Normalmente são gordas, mas mesmo assim conseguem apertar-nos os sapatos.
Sabem sempre que a gente quer mais uma fatia de bolo ou uma fatia maior.
As Avós usam óculos e às vezes até conseguem tirar os dentes.
Quando nos contam historias, nunca saltam bocados e nunca se importam de contar a mesma história várias vezes.
As Avós são as únicas pessoas grandes que têm sempre tempo.
Não são tão fracas como dizem, apesar de morrerem mais vezes do que nós.
Toda a gente deve fazer o possível por ter uma Avó, sobretudo se não tiver Televisão".
Artigo redigido por uma menina de 8 anos e publicado no Jornal do Cartaxo, (Portugal, 2007).

Saúde - Vacinar gestante contra gripe reduz internação de bebê

Bebês de mães que foram vacinadas durante a gestação contra o vírus influenza -causador da gripe- foram menos hospitalizados do que os demais ao longo do primeiro ano de vida, apontam resultados preliminares de um estudo ainda em andamento na Yale School of Medicine (EUA).
Participaram da pesquisa crianças de zero a 12 meses que foram internadas em um hospital durante as temporadas de gripe de 2000 a 2009. Parte delas, ou 157 bebês, foi hospitalizada em consequência da gripe. Outros 230 não receberam esse diagnóstico e formaram o grupo controle. Os resultados revelaram que vacinar as mães durante a gestação preveniu 80% das hospitalizações por influenza de seus bebês ao longo do primeiro ano de vida e diminuiu em 89% as dos filhos com menos de seis meses -para os quais não há vacina aprovada nos Estados Unidos nem no Brasil. A gripe é uma das principais causas de doenças respiratórias graves em gestantes e de hospitalização em crianças.

Recomendação

De acordo com Jucille Meneses, médica do Departamento de Neonatologia da Sociedade Brasileira de Pediatria, a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que gestantes sejam vacinadas contra a gripe no segundo ou no terceiro trimestre de gravidez há cinco anos, mas muitos obstetras não informam suas pacientes sobre a importância da imunização durante o pré-natal.
Nilson Roberto de Melo, presidente da Febrasgo (Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia), confirma. Na opinião dele, os médicos não indicam a vacina por questões culturais e porque a gripe não costuma colocar a vida da gestante em risco. "Em geral, é uma doença que não causa tanto problema para a mãe", afirma.
Melo considera, entretanto, os resultados do estudo "contundentes" o suficiente para que possam ajudar a alterar essa prática. "Ao mostrar que evita internação do recém-nascido, a coisa começa a mudar. Talvez precise ainda replicar [o estudo] numa casuística maior", pondera.

Benefícios

Meneses, da Sociedade Brasileira de Pediatria, diz que estudos anteriores já haviam demonstrado os benefícios que a imunização da mãe traz para o bebê. "O problema é que ainda falta o obstetra conversar com a gestante e fazer disso uma rotina. Por falta de informação e de conhecimento, eles não prescrevem, mas a vacina é amplamente recomendada, segura, eficaz e traz todos esses benefícios", afirma.
Segundo a pediatra, o maior ganho de vacinar as mães é proteger o bebê dos zero aos seis meses, porque a mulher passa os anticorpos para o feto, em uma fase em que a vacina não pode ser aplicada diretamente na criança.
Ela acredita que esse estudo é relevante porque ajuda a divulgar a importância da imunização para os obstetras e para as próprias gestantes, que podem, assim, pedir uma solicitação de vacina ao médico durante o pré-natal. De acordo com Márcia Moreira, consultora em epidemiologia da Opas (Organização Panamericana da Saúde), "poucas grávidas se vacinam porque não sabem que não existe risco para o bebê".
Tendo em vista a próxima onda de gripe suína, esperada para 2010, a Opas planeja orientar os obstetras a indicar a imunização para gestantes também contra o vírus A (H1N1). "Há uma resistência dos próprios ginecologistas em indicar a vacina, por isso a Opas criará uma forma de orientá-los", afirma.
(RACHEL BOTELHO - Folha de S.Paulo em 07/12/2009)

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Bão dimais - Talharim à parisiense

TALHARIM À PARISIENSE

INGREDIENTES: 250 gramas de talharim * 1 colher (sopa) de manteiga * 1/2 xícara (chá) de leite * 2 xícaras (chá) de sobras de frango desfiado * 1/2 lata de ervilhas * 1/2 xícara (chá) de presunto picado * 1 lata de creme de leite * óleo * sal * pimenta
MODO DE FAZER: Cozinhe o macarrão em água fervente com um fio de óleo e sal. Enquanto isso, derreta a manteiga e, misturando sempre, junte os outros ingredientes. Tempere com sal e pimenta e retire do fogo sem que ferva. Misture o molho ao macarrão com auxilio de 2 garfos e sirva com queijo parmesão ralado. Rendimento : 3 a 4 porções.

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Cacaso


Não é necessário usar muitas palavras. Com poucas, você pode ser sublime como Cacaso no poema abaixo:

Lar doce lar

Minha pátria é minha infância:
por isso vivo no exílio.

Na vitrola aqui de casa - Samba Saravah

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

TV saudade - Hawaii 5.0

Jack Lord era Steve McGarrett, chefe da polícia de elite do Hawai conhecida como Hawaii-5.0. Este grupo era responsável entre outras coisas pela investigação do crime organizado, assassinatos e agentes estrangeiros e respondia diretamente ao governador do estado.
A série que não só apresentava assuntos relacionados a lei e a ordem mas também apresentava as belezas das ilhas, as ondas havaianas e uma excelente trilha sonora instrumental de abertura composta por Morton Stevens.
No Brasil esta série foi apresentado pela extinta TV Tupi e também alguns poucos episódios foi apresentado pela Rede Globo na década de 90.

Coincidência...

“Há mais mistérios entre o céu e a terra do que sonha nossa vã filosofia.” (William Shakespeare).
Eu diria : Há mais coincidências entre o céu e a terra do que supõe nosso escasso saber.
Pensava que meu nome Nidia não era lá muito comum até que fui buscar meu título de eleitor, quando houve o recadastramento. Páginas e páginas de Nidias. Até aí tudo bem. É possível que pais diferentes tenham idéias iguais. Agora, Telles com LL pensei que também não era tão comum. E Nidia Telles? Me achava única e exclusiva até colocar o meu nome para pesquisa no Google. Apareceram várias páginas e levei o maior susto. Não é que existe uma famosa atriz uruguaia com o nome idêntico ao meu? Ou melhor por coincidência, eu tenho o nome igual ao dela. E garanto, meus pais nem sabiam da existência dessa senhora.
Ela é essa da foto abaixo. Ainda hei de conhecê-la um dia.
Confira o fato: http://www.nidiatelles.com

Dica de Leitura - O retrato de Dorian Gray


Dorian Gray é um rapaz belíssimo da alta sociedade. Ele posa para um amigo que é pintor: Basil Hallward. O retrato fica belíssimo e ao vê-lo Dorian exprime o desejo de que o quadro pudesse envelhecer e ele continuar eternamente com seu rosto jovem.
É um livro que nos faz pensar sobre a juventude, o valor da beleza na sociedade, a vaidade e o caráter das pessoas.

Bão dimais - Mousse de Chocolate

MOUSSE DE CHOCOLATE

INGREDIENTES: 1 lata de creme de leite * 200 gramas de chocolate meio amargo picado * 4 claras * 4 colheres (sopa) cheias de açúcar * cereja e raspas de chocolate para decorar
MODO DE FAZER: Pique o chocolate e leve ao fogo, em banho-maria, mexendo sempre, até amolecer bem o chocolate. À parte, bata as claras em neve, adicione o açúcar e continue batendo até formar um suspiro consistente. Misture a esse suspiro o creme de leite e o chocolate derretido, mexendo bem. Coloque num refratário (redondo alto) e leve à geladeira por algumas horas. Decore com raspas de chocolate e cerejas.
Variações : Junte 2 colheres (sopa) de rum ou 1/2 xícara (chá) de nozes, castanhas, amêndoas torradas ou passas embebidas em rum.

domingo, 13 de dezembro de 2009

Na vitrola aqui de casa - Devolva-me

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Mário Quintana



Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres,
enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amada,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...
(Mário Quintana)

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Detalhes vistos com o olhar do coração

Quando moramos por muito tempo em uma cidade, o cotidiano das ruas vai, aos poucos, perdendo o colorido e a beleza. Passamos a não prestar atenção nas casas, no rosto das pessoas, no som do sino da igreja. Fica tudo igual e banal.
Que engano e ignorância nossa! Vamos embora e passamos a sentir saudades dessas mesmas coisas. Nas vezes em que passeamos, quase sempre rapidamente, pela nossa cidade natal, começamos a ver com outros olhos o que antes era visto com olhar humano. Agora tudo é visto com o olhar do coração. E passamos a ler as entrelinhas, a ver os detalhes que eram estampados todos os dias na nossa frente e que a pressa não nos deixava notar.

Casa do Sr. Agostinho Silva, a famosa casa do índio, na Praça Santa Rita. Há vários desses afrescos distribuídos harmoniosamente pela fachada. Quantas vezes marquei encontros assim: Te espero encostada no muro da casa do índio.

Marinha de azulejos no alpendre da casa do índio.

Detalhe superior das janelas da casa da dona Marieta Capistrano, hoje restaurante Na Lenha.

Detalhe inferior das janelas da mesma casa. Esses detalhes tornam as janelas enormes mais grandiosas ainda.

Nas quinas do telhado existem esses conjuntos de afrescos. Sempre achei que parecem elmos de guerreiros romanos.
Quadro de azulejos na varanda da casa da dona Ivone Toledo. Esse tem o título de Preparando uma desfolhada.
E esse Pesca da Sardinha. Quando passarem por lá, parem e observem como são lindos.


Vejam a leveza e harmonia desse gradil da casa do Sr. Guilherme Capistrano.

Um pequeno detalhe da casa da dona Heloísa Brusamolim. A casa é, para mim, uma das mais belas de Santa Rita.

Não sei de quem é essa casa, na pracinha da Rua da Pedra. Mesmo precisando de alguns reparos, não deixa de ter sua beleza.

Casa do Sr. Mauro Gouveia. Nunca tinha reparado antes nesses detalhes superiores das janelas.

Penso que estou passeando pela Inglaterra. A casa do Robson Cruz sempre foi assim, bem cuidada e preservada.

Detalhe dos azulejos do alpendre da casa do Robson Cruz. O desenho me lembra os tapetes feitos para a procissão de Corpus Christi.

Graças a Deus esse casarão é ainda totalmente preservado, inclusive com o letreiro: Grande Armazem de Seccos e Molhados.
Antiga casa do Sr. Zé Zico. Há detalhes interessantes tanto na fachada quanto no gradil.
Quando eu era criança, falava como criança, sentia como criança, discorria como criança, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de criança (Coríntios,13). Que pena que as avenidas largas de criança agora sejam ruas estreitas para a passagem de dois carros. Mas, ainda bem que, o encanto aumenta com a saudade e as ruas passam a ser mais bonitas que a Champs Elysées.

Dica de Leitura - Anarquistas, graças a Deus


É uma história familiar, um álbum de memórias, de lembranças, de recordações de uma família italiana como qualquer outra, mas que, também como toda família, tem uma história especial, cercada de alegrias e preocupações, com questões ideológicas e valores particulares.

Uma história simples e comovente,e que nos faz pensar em tantas situações que fizeram muitas famílias saírem de sua terra e tentarem sobreviver em outro país. Mas que conseguiram, além da sobreviver, viver com dignidade.

Na vitrola aqui de casa - Flor de ir embora

Essa música é uma verdadeira obra-prima, um verdadeiro poema escrito e também cantado pela excelente Fátima Guedes.

Bão dimais - Lombo de Porco Recheado

Bom para fazer no Natal ou Ano Novo.

LOMBO DE PORCO RECHEADO

INGREDIENTES: 1 e 1/2 quilos de lombo de porco * 300 gramas de presunto * 6 fatias de bacon * 100 gramas de passas sem sementes * 100 gramas de azeitonas verdes * 10 ameixas pretas * 1 cenoura * 1 cebola ralada * 1/2 xícara (chá) de azeite * 1 copo de vinho branco seco * 1 copo de água * 5 limões pequenos * 3 dentes de alho * sal * salsa * cebolinha verde * manteiga * mostarda em pasta * pimenta-do-reino * pimenta malagueta
MODO DE FAZER: Abra o lombo, no sentido do comprimento, sem contudo, dividi-lo em 2 pedaços. Coloque em uma vasilha e tempere com uma pasta feita com azeite, o alho socado, a cebola, pimentas, sal e caldo de limão. Regue com o vinho, junte cheiros verdes ligeiramente amassados, cubra e deixe repousar até o dia seguinte. Umas 3 horas antes da refeição, retire o lombo dos temperos e abra em uma mesa, sobre um guardanapo. Unte a parte a ser recheada com bastante manteiga e um pouco de mostarda em pasta. Arrume, por cima, as fatias de presunto e de bacon e, sobre estas, coloque fatias de cenoura crua, pedaços de azeitonas, ameixas e passas. Depois de recheado, enrole muito bem e amarre todo, o mais apertado possível, com barbante grosso. Unte, por fora com bastante manteiga e um pouco de mostarda. Arrume em uma assadeira, regue com vinha-d'alhos coada e a água. Cubra com papel alumínio e leve ao forno moderado para assar. De vez em quando, erga o papel, regue com o molho da assadeira e, assim que o lombo estiver bem macio, retire o papel, torne a untar com manteiga e deixe corar. Estando pronto, corte o barbante e sirva.

Ninguém vive sem um pouco de poesia... - Nidia Telles

Há muito tempo atrás, escrevi esse poema. Já sofria, pensando que um dia deixaria a minha cidade. A ponte de ferro ainda nem tinha sido reconstruída, e era esse o caminho do meu pensamento: prefeitura, ponte, praça Delfim Moreira, pedreira e uma liberdade que eu nem queria conquistar.

Part(e)ida


Pé, pó
Poeira,
Passo pela picada.
Passo paço podre,
Passo ponte partida,
Passo praça pacata,
Piso pedras pagãs,
Passo a passo...
Paro.
Penso para partir...
Padeço.
Permaneço parada,
Patética perante poderio pátrio:
_ Pura paixão platônica.

A arte do Origami - Envelope Cachorrinho

Passo 1: Dobre o papel na metade, formando um retângulo com o lado colorido para fora. Dobre bem para formar um vinco.
Passo 2: Dobre esse retângulo na metade. Dobre bem para formar um vinco.
Passo 3: Desdobre o papel.
Passo 4: Dobre a parte inferior, cerca de um terço da metade, conforme a figura.
Passo 5: Dobre a ponta inferior direita diagonalmente, até encontrar a parte reta.
Passo 6: Repita o procedimento para a ponta inferior esquerda.
Passo 7: Dobre a lateral, verticalmente, cerca de um terço da metade.
Passo 8: Repita o procedimento para a outra lateral.
Passo 9: Vire o papel e dobre a ponta superior direita, diagonalmente, até o vinco do meio.
Passo 10: Repita o procedimento para a ponta superior esquerda.
Passo 11: Vire o papel e dobre no meio, juntando a ponta superior com a parte reta inferior, deixando aparecer as laterais abertas.
Passo 12: Dobre a ponta, diagonalmente para cima, até a parte reta.
Passo 13: Dobre a mesma ponta, na metade para baixo, para formar uma das orelhinhas.
Passo 14: Repita os dois últimos procedimentos para a outra ponta, formando a outra orelhinha.
Passo 15: Dobre a pontinha de baixo para cima para formar o focinho.
Passo 16: Pinte os olhos e o focinho do cachorrinho com uma caneta.
Passo 17: O seu origami de cachorrinho-envelope está pronto!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...